sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Plutão

Quão solitária deve ser uma caminhada em Plutão?
Vi uma planície vermelha e imensa
que me lembrou do mar de onde eu vivo
quão solitário é o lugar em que vivo?

Nada solitário, pois, há pó de estrelas
ao lado do meu peito, onde a fibra
se faz mais resistente e brilhante
Nada solitário é caminhar em Plutão.

Diz-me, planeta anão, como te sentes?
O que faz quando o sol passa por ti,
vês apenas um distante ponto,
ou tens em ti todas as sensações
que eu queria ter em mim?

Nenhum comentário: